account icon arrow-left-long icon arrow-left icon arrow-right-long icon arrow-right icon bag-outline icon bag icon cart-outline icon cart icon chevron-left icon chevron-right icon cross-circle icon cross icon expand-less-solid icon expand-less icon expand-more-solid icon expand-more icon facebook-square icon facebook icon google-plus icon instagram icon kickstarter icon layout-collage icon layout-columns icon layout-grid icon layout-list icon link icon Lock icon mail icon menu icon minus-circle-outline icon minus-circle icon minus icon pinterest-circle icon pinterest icon play-circle-fill icon play-circle-outline icon plus-circle-outline icon plus-circle icon plus icon rss icon search icon shopify icon snapchat icon trip-advisor icon tumblr icon twitter icon vimeo icon vine icon yelp icon youtube icon
Carrinho (0)
Adicionados recentemente
0 Item Total R$ 0,00

Não disponível

Carrinho (0)

Adicionados recentemente

0 Itens

Total R$ 0,00

Não disponível

Dicionário da mulher: Compressa de gengibre

posted 2019 Mar by

Compressa de gengibre

Muito usada para ativar a circulação e ajudar a dissolver depósitos de muco, proteína e gordura no organismo, como pedras de rim e bexiga, cistos de seio e ovário e fibroma uterino. Também serve para asma, bronquite, reumatismo, artrite, tensão muscular, torcicolo, dores nevrálgicas, dor nas costas, dor de dente, cólica menstrual ou intestinal, inflamação de rins, fígado, intestino, bexiga, próstata, ovários, recuperação de tecidos ósseos.

A aplicação da compressa dura meia hora. A freqüência das aplicações e a duração do tratamento vão depender de quem estiver orientando você. Para cólicas, uma ou duas compressas bastam, mas para cistos é preciso persistir por semanas ou meses, aplicando um emplastro de inhame depois de cada compressa.

Não use a compressa de gengibre em bebês e idosos, nem na barriga das grávidas; na cabeça, nunca, a não ser juntinho do nariz em caso de sinusite; nem para apendicite e pneumonia, nem quando há febre.

Pode ser aplicada sobre tumores, cancerosos ou não, mas nunca por mais de 5 minutos.


Modo de fazer

Numa panela grande, ponha 3 litros de água para ferver; enquanto isso rale 200 g de gengibre, com casca e tudo, na parte mais fina do ralador, com movimentos circulares. Quanto mais maduro, cascudo e fibroso o gengibre, melhor. Embrulhe num paninho de fralda.

Quando a água estiver quase fervendo apague o fogo, ponha a trouxinha de gengibre dentro, tampe e deixe descansar uns 15 minutos. A trouxinha evita que os farelinhos de gengibre grudem e irritem a sua pele.

Pegue duas toalhas de banho pequenas, dobre ao meio e torne a dobrar em diagonal. Mergulhe ambas assim na panela, tire uma, torça e aplique sobre o ventre ou sobre os rins, cobrindo logo com um cobertor de lã.

Espere um pouco; quando sentir que começou a esfriar, torça a segunda e coloque sobre a primeira, e dali a pouco tire a primeira, devolvendo à panela para logo depois tirar, torcer e aplicar sobre a outra, e assim sucessivamente durante meia hora, ou até a pele ficar muito vermelha.

Para manter quente o caldo de gengibre você vai precisar de um fogareiro elétrico, braseiro ou réchaud. E como a coisa dá muita mão-de-obra, é sempre melhor fazer em dupla: uma cuida das aplicações enquanto a outra fica no bem-bom, depois inverte. É quente, quase queima, mas é muuuito bom.

Não use nenhum tipo de plástico ou tecido sintético para cobrir a compressa de gengibre ou de qualquer outra coisa: somente algodão.

Comments

Leave a comment